Tabela Molicar: O que é e como consultar

Veja nesse artigo o que é a tabela molicar e como efetuar sua consulta online!

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Quando se pesquisa preço de carros a mais famosa referência de valores é a Tabela Fipe. No entanto, há outra referência muito importante nesse mercado que pode ser facilmente confundida, a Tabela Molicar.

Entenda melhor o que é a Tabela Molicar, para que é usada e como consultar!

Tabela Molicar o que é?

A primeira Tabela Molicar foi publicada em 1994. Desde então durante todos esses anos a empresa Molicar trabalha com dados completos, confiáveis e atualizados com frequência demonstrando o verdadeiro referencial de preços de veículos.

No entanto, seu uso é novo e sua base estima a média de valor de veículos considerando não somente o modelo e ano de fabricação, mas as particularidades do carro. E até mesmo os itens adicionais como freios ABS, ar-condicionado e demais componentes que agreguem valor ao veículo.

Para que serve?

Normalmente o uso da Tabela Molicar é feito em contratações de Seguro Auto para definição de valor de indenização em caso de perda total.

Dessa forma as empresas seguradoras oferecem como indenização os valores atualizados presentes nessa tabela. O que é fundamental para cotação e análise de possibilidades.

Vale destacar aqui que a perda total de um veículo só acontece quando os custos de reparo em caso de sinistro coberto por plano sejam de valor igual ou maior que 75% do valor de compra desse veículo. E também  em casos de roubo ou furto sem recuperação pela polícia.

Além disso, a Tabela ajuda o comprador a avaliar de uma forma mais complexa a desvalorização de um veículo. O que faz dela uma ferramenta de informação importante para analisar na hora de comprar um carro.

Diferenças Molicar Tabela x Tabela Fipe

Muito se confunde entre a Tabela Molicar e a Tabela Fipe. Mas há diferenças significativas entre ambas e sua principal diferença é o detalhamento de tabela.

A Tabela Fipe não tem muita distinção entre as características mais específicas do veículo. Basicamente, ela considera apenas as versões e anos.

Enquanto isso, a Tabela Molicar tem uma avaliação mais completa. Ou seja, ela oferece cálculos detalhados com base nos itens e diferenciais do veículo.

Além disso, a Tabela Fipe é gratuita para consulta, enquanto a Tabela Molicar fica disponível por apenas duas consultas.

Outra diferença é que a Tabela Fipe considera a média nacional do mercado de carros. Isso porque a Molicar considera a média do mercado por estados, obtendo a média da localidade do veículo.

Como consultar?

Para consultar a tabela é muito simples. Qualquer pessoa pode realizar a consulta no site da empresa com as seguintes informações em mãos:

  • Especificações do veículo como: tipo, marca, ano de fabricação, modelo, ano do modelo e versão.
  • Estado residência do usuário.
  • Equipamentos e itens de fábrica presentes.

Essa pesquisa serve tanto para o mercado de carros, quanto de motos, bem como de caminhões, ônibus, reboques, semirreboques, entre outros.

Para finalizar a consulta é preciso realizar um cadastro no portal da Molicar e informar dados conforme são solicitados pelo site. Depois que esse cadastro é concluído: você tem acesso ao resultado com a estimativa do valor do veículo para visualização, assim como a Tabela Molicar download.

A Tabela Molicar é paga?

Não. Você não precisa desembolsar nenhum valor para consultar a tabela nas duas primeiras consultas do usuário. No entanto, para realizar mais consultas ou consultar frequentemente há a opção de assinatura da Molicar.

Para essa opção há vários planos e valores mensais que podem ser personalizados conforme a necessidade do usuário. O que é uma ideia interessante para revendedores de veículos.

Portanto, agora que já sabe o que é a tabela molicar e como efetuar sua consulta, não perca tempo. Faça uma avaliação da tabela mais completa da atualidade no site e tire suas próprias conclusões.

Manutenção preventiva veicular

Tudo que você precisa saber sobre Manutenção preventiva veicular

JE Leilões

JE Leilões: Conheça detalhes e descubra se é confiável