Ciclo Toyota: Conheça os Modelos de Veículos que Fazem Parte

Veja agora como funciona, os modelos que fazem parte e todos os detalhes sobre o Ciclo Toyota no Brasil”

Anunciado recentemente o ciclo Toyota entra em vigor a partir de agosto e abrange alguns modelos da Toyota. O plano é vantajoso, bem como oferece condições especiais para compra de veículos zero quilômetro.

Anúncios

Ainda não conhece o ciclo Toyota? Acompanhe o artigo e saiba o que é, quais modelos fazem parte e se o ciclo Toyota é vantajoso para você. Confira

Como funciona Ciclo Toyota? Quais veículos fazem parte?

Em parceria da Toyota com sua rede distribuidores e o Banco Toyota foi lançado o programa ciclo Toyota no Brasil. Esta é, basicamente, uma estratégia de vendas que visa oferecer melhores condições na compra de veículos zero quilômetro.

De modo inicial fazem parte dessa estratégia de vendas o Ciclo Toyota Etios, assim como o Ciclo Toyota Corolla. Ou seja, todas as versões dos dois modelos estarão disponíveis a partir de agosto para as condições dessa estratégia de venda. Além disso, também fazem o ciclo Toyota rav4 e ciclo Toyota Hilux.

Basicamente, a compra por este modelo funciona a partir de 3 etapas:

1.      Primeira etapa

Essa etapa tem a ver com o valor da entrada do veículo Este, por sua vez, precisa ser de, no mínimo 30% do valor total do modelo escolhido. Além disso, os valores podem variar conforme a configuração das versões.

2.      Segunda etapa

É o momento em que o cliente parcela parte do valor com pagamento em 12, podendo chegar até 36 meses. Além disso, os valores dessas parcelas também são reduzidos, chegando a ser 40% mais baixos que os demais no mercado.

3.      Terceira etapa

É o parcelamento da parcela residual que não pode ser maior que 50% do valor total do veículo escolhido.

No entanto, nesta terceira etapa o cliente não precisa desembolsar valor nenhum para pagamento das parcelas residuais. Isso porque o ciclo Toyota usados oferece a recompra do veículo pela concessionária por no mínimo 85% do valor em tabela FIPE.

Ou seja, o valor pago na recompra basicamente quita o residual e contribui para a aquisição de um novo veículo.

O que é necessário para recompra no Ciclo Toyota?

Para ser apto a recompra de 85% na tabela FIPE pelo programa o veículo precisará passar por uma avaliação. Além disso, também existem algumas regras pré-estabelecidas para contratação do ciclo, que são:

  • Fazer as revisões concessionárias da marca.
  • Ter no máximo 15 mil quilômetros rodados por ano.
  • Ótimo estado de conservação, assim como de manutenção.
  • Pintura original e conservada.
  • Ter todas peças, bem como acessórios genuínos em ótimo estado de funcionamento.
  • Limpeza interna e externa para avaliação e combustível suficiente para pequenas manobras.
  • Ter Laudo de transferência veicular obtido pela ECV.

As demais regras para recompra estão disponíveis nesse PDF.

O Ciclo Toyota vale a pena?

De modo geral sim. As taxas, assim como as opções de financiamento são bem mais baixas e acessíveis que as condições presentes no mercado. Além disso, a oportunidade de recompra que o ciclo oferece também é vantajosa.

Sem contar que o contrato é flexível, o que permite ao cliente decidir se quer ou não manter a posse do veículo ou negociar um novo. Inclusive, ele tem a opção de fazer um upgrade do modelo atual caso não queira trocar de veículo.

Quais as vantagens:

  • Possuir um relacionamento duradouro com a marca.
  • Ter possibilidade de trocar de veículo anualmente ou em até 3 anos e ter um carro 0 km.
  • Excelência de serviço.
  • Realização de test-drive dos modelos disponíveis.
  • Possibiidades de financiamento com taxas e condições atrativas e relativamente baixas, melhores que as oferecidas no mercado.
  • Oportunidade de recompra e quitação da parcela residual.

Portanto, agora que você já conheceu um pouco mais sobre o Ciclo Toyota, fique atento ao lançamento do projeto no site www.toyota.com.br e não deixe essa oportunidade passar.

Como Participar do Leilão de Carros da Receita Federal

Como Participar do Leilão de Carros da Receita Federal

Aplicativos de Carros Tipo Uber (1)

Aplicativos de Carros Tipo Uber: Saiba Quais são as Alternativas